Desafio 2 – Monitorizar2020-09-29T19:25:50+01:00

DESAFIO 2 – MONITORIZAR

Fenologia da erva-das-Pampas: acompanhar o ciclo de vida e distinguir entre plantas hermafroditas e plantas femininas

Gostas de flores? E de fotografar? E se juntares ambos? Então este Desafio é para ti! O segundo Desafio é acompanhar a fenologia, isto é, o ciclo de vida da erva-das-pampas e ajudar a descobrir em que zona do país é que ela dá flor primeiro! Desafiamos-te a usar o teu smartphone ou máquina fotográfica e fotografar a mesma planta uma vez por mês, ao longo do ano. Não tens que andar pelo país inteiro! Escolhe uma planta que esteja num local por onde passes regularmente nas tuas deslocações, até porque será essa planta que irás acompanhar o resto do ano. A união faz a força e com a ajuda de vários cidadãos, será possível perceber no mapa de distribuição nacional a época de floração nas diferentes zonas do país. E tu podes fazer parte disto! Como? É muito simples!

1 – Inscreve-te

Carrega aqui para te inscreveres

2 – Aprende a reconhecer a erva-das-Pampas com flor e sem flor

As plumas da erva-das-pampas são esbranquiçadas ou prateadas, contudo, muitas plumas nascem de cor púrpura ou bordô, tornando-se de cor clara à medida que amadurecem.

3.1 – Instala a App InvasorasCV

Carrega aqui para instalares a aplicação InvasorasCV em Android e aqui para instalares a aplicação InvasorasCV em iOS.

OU

3.2 – Instala a App Epicollect5

Carrega aqui para instalares a aplicação Epicollect5 (disponível para Android e iOS)

4 – Escolhe uma planta e regista na aplicação

Para utilizar a aplicação InvasorasCV é preciso fazer o registo e depois é só clicar em “Registar ciclo de vida” e seguir os passos, é muito simples. Podes saber mais sobre as diferentes plantas invasoras clicando em “Plantas invasoras”.

InvasorasCV – a aplicação é muito intuitiva e de fácil utilização; é necessário fazer o registo antes da primeira utilização

 

Para utilizar a aplicação Epicollect basta adicionar o projeto “Desafio2” em “Add Project” e depois adicionar mensalmente os registos de uma mesma planta em “Add entry” seguindo os passos. No fim é essencial gravar o registo em “Save Entry” (não requer internet) e fazer o upload tanto dos dados como das fotografias em “Upload Now” (assim que houver acesso à internet).

Epicollect5 – a aplicação é relativamente fácil de utilizar, não requer registo, apenas que se adicione o projeto “Desafio2”

 

Pedimos para que faças o registo da planta o mais próximo possível à mesma, para diminuir os erros do GPS.

4 – Preenche mensalmente o formulário da app

Para podermos acompanhar o ciclo de vida da planta, é importante recebermos fotografias mensais da mesma; para isso, basta preencheres mensalmente o formulário da app que decidiste instalar: tira duas fotografias da(s) planta(s) escolhida(s): uma de pormenor (que dê para ver bem as folhas, flores, frutos, etc. usando uma moeda para fazer de escala, como mostra o exemplo abaixo) e outra geral (em que dê para ver bem a planta completa).

Cortaderia selloana: foto geral e foto de pormenor com moeda

 

Opção – Diferencia plantas femininas de plantas hermafroditas

Simples! Certo? Vamos complicar um pouco!? Se gostas de bons Desafios, aceita a segunda parte do Desafio 2! Será que consegues distinguir o sexo das plantas?

Ainda no Desafio 2, ao seguires o ciclo de vida da erva-das-pampas, podes também tentar distinguir entre plantas femininas e plantas hermafroditas. Esta tarefa não é tão simples e só um verdadeiro cientista pode lá chegar! Consegues?

Vamos olhar para as flores. A erva-das-pampas é uma espécie ginodióica, isto é, possui plantas femininas e plantas hermafroditas, mas funcionalmente é uma espécie dióica, o que quer dizer que precisa ter ambos os tipos de plantas relativamente próximas para se poder reproduzir de forma mais eficaz. Na prática, apenas terás que diferenciar as flores femininas das flores masculinas. A flor hermafrodita tem a estrutura reprodutora masculina muito mais desenvolvida do que a estrutura reprodutora feminina, sendo que na prática, apenas verás os estames (com pólen); na planta feminina verás apenas os estigmas.

Confuso? Sabe tudo o que há a saber sobre o sexo da erva-das-pampas, carregando AQUI.

Se por esta altura estiveres confiante nas tuas capacidades de identificação, só tens que tirar uma ou várias fotografias (com o telemóvel ou mesmo à lupa) das plumas e enviar-nos para: lifestopcortaderia@esac.pt. Se aderiste à primeira parte do Desafio 2 (fenologia), podes também deixar um comentário a mencionar se pensas ser uma planta feminina ou hermafrodita, mas é sempre importante enviar-nos fotos de pormenor para que possamos confirmar.

 

pluma hermafrodita de Cortaderia selloana

Pluma hermafrodita de Cortaderia selloana

 

Acima, exemplo de uma fotografia tirada com o telemóvel de uma pluma hermafrodita, onde são bem visíveis os estames. Nota: a cor das plumas não é característica do sexo da planta.

 

Pluma femenina de Cortaderia selloana

 

Acima, exemplo de uma fotografia tirada com o telemóvel de uma pluma feminina, onde são bem visíveis os estigmas. Nota: a cor das plumas não é característica do sexo da planta

 

Pluma femenina de Cortaderia selloana

 

Acima, exemplo de uma fotografia tirada com o telemóvel de uma pluma feminina, onde são bem visíveis os pelos abundantes. Nota: a cor das plumas não é característica do sexo da planta.

 

Preparado? Esta parte do Desafio2 não é obrigatória, fá-lo apenas se te sentires confiante!