Resultados esperados2019-03-26T11:49:58+02:00

Resultados esperados

Ao longo de quatro anos e meio, várias ações serão desenvolvidas, visando alcançar os seguintes resultados:

  1. Será elaborada a Estratégia de Combate à erva-das-pampas no Arco Atlântico e uma centena de entidades francesas, espanholas e portuguesas no pressuposto da sua adesão a estas metas.
  2. É criado o grupo de trabalho para combater a erva-das-pampas no Arco Atlântico como fórum de discussão e troca de experiências e metodologias.
  3. A expansão da erva-das-pampas pára na zona Sul da Cantábria, aumentando os municípios livres de erva-das-pampas de 19 para 37.
  4. A presença de erva-das-pampas em áreas de conservação especial (ZEC) do litoral da Cantábria é drasticamente reduzida.
  5. É lançada a Rede de Aviso Prévio para deteção e controlo de erva-das-pampas na Cantábria e em Portugal.
  6. A distribuição detalhada de erva-das-pampas na Cantábria e no Norte de Portugal é conhecida graças à produção de cartografia detalhada através de imagens de satélite de alta definição.
  7. Um manual de boas práticas para a eliminação de erva-das-pampas em espanhol, português, francês e inglês é publicado e amplamente distribuído.
  8. Quatro diferentes técnicas de maneio da terra são avaliadas para controlar e deter a expansão da erva-das-pampas: hidrossementeira e “mulsh”, pastoreio direcionado, solos técnicos e avaliação do maneio pecuário.
  9. Formação de 300 trabalhadores de instituições envolvidas na gestão da erva-das-pampas.
    10. Aumentar a consciência da população sobre o problema da espécie em todo o Arco Atlântico.